Acompanhe este Blog clicando em SEGUIR

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Ouvir a Deus

Aprendendo a Ouvir a Deus
Esta meditação a seguir leva-nos à perspectiva de ouvir a voz de Deus para tomarmos decisões em nossas vidas. O Pastor Lloyd J Ogilvie nos conduz ao ponto crucial de quando enfrentamos um dilema em nossas vidas: "Estenda-o perante o Senhor".

Comecemos pela Leitura bíblica de 2º Reis 19:14-19.

Versículo-chave: Tendo Ezequias recebido a carta da mão dos mensageiros, leu-a; então subiu à casa do Senhor, estendeu-a perante o Senhor (2º Reis 19:14).

Um amigo disse-me recentemente: "Meu maior problema é ser ocupado demais para ouvir com cuidado a voz do Senhor. Como posso desejar ouvir os seus desejos e pô-los em prática?" A única maneira de conhecer a vontade de Deus para a nossa vida é ouvir.

Observe como Ezequias estendeu o seu dilema na presença do Senhor. Há três passos acerca da vontade de Deus. 

Conte-lhe a sua necessidade. Peça a sabedoria de saber o que ele deseja e a coragem de realizá-lo. 

Espere. O silêncio é crucial. Dê a Deus a oportunidade de conceder-lhe perspicácia e direção. Leia a Bíblia e medite nela. É a Palavra de Deus, e ele a usa para instruir o seu povo acerca da sua vontade. 

Ponha em prática o que descobriu, sabendo que ele pode usar até mesmo os nossos erros para a sua glória.

"Como ter certeza de que certa direção é a vontade de Deus para mim?" Esta pergunta nos força a examinar os testes básicos de qualquer ação ou aventura. 
  • Eis alguns dos que me têm ajudado através dos anos. 
  • Se eu agir sobre essa direção, a minha intimidade com o Senhor aumentará? 
  • Essa orientação está de acordo com a mensagem de Jesus Cristo? 
  • Está de acordo com os seus mandamentos? 
  • Estenderá o reino de Deus? 
  • Trará o bem maior para todos os que dela participarem? 
  • É uma expressão de amor? 
  • Posso realizá-Ia com o conforto da presença do Senhor? 
  • Será para a glória do Senhor ou apenas para a minha? 
Descobri que quando faço essas perguntas antes de tomar uma decisão, e dou tempo a que o Senhor trabalhe em minha mente e em meus sentimentos, o certo ou o errado da situação toma-se bem claro.

Para Refletir: "Amor é a maior coisa que o Senhor nos pode dar, pois ele é amor; e é a maior coisa que podemos dar a Deus" (Jeremy Taylor). 

Extraído do Livro "O Que Deus tem de melhor para Minha Vida" do Escritor Lloyd J. Ogilvie publicado pela Editora Vida.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

A marca de uma grande igreja

A meditação a seguir, adaptada do livro "O Que Deus tem de melhor para Minha Vida" do Escritor Lloyd J. Ogilvie publicado pela Editora Vida, revela-nos alguns pontos muito importantes para avaliarmo-nos no contexto da Igreja de Jesus Cristo. 

Muito mais do que avaliar denominações religiosas, será interessante que nós mesmos passemos pelo crivo desta pequena lista de checagem e, aproveitando a "alvorada" de um novo ano que se aproxima, façamos de nossa vida com Deus uma vida de comunhão e propósitos, alinhada com a vontade do Senhor Jesus.

Comecemos pela Leitura bíblica de Atos 2:38-47.


Versículo-chave: Então os que lhe aceitaram a palavra foram batizados; havendo um acréscimo naquele dia de quase três mil pessoas (Atos 2:41)

Eis aqui um quadro da igreja como devia ser e que serve de referência para todas as igrejas em todas as épocas.

Tinha Cristo como centro

As pessoas que se uniam à Igreja haviam aceitado sem rodeios a pregação de Cristo - crucificado, ressurreto, habitando nos discípulos. O Cristo vivente era o seu Salvador, Senhor e Amigo íntimo. As igrejas, ao se tomarem instituições religiosas, afastam­ -se de Cristo e perdem sua eficácia e poder. A fonte da vitalidade é o ensino e a pregação da vida em Cristo e Cristo em nós. E é essa verdade que dá poder e torna uma igreja dinâmica.

Era uma Igreja que orava 
A oração era o canal mediante o qual o Espírito do Senhor fluía nos crentes e, através deles, de uns para com os outros. Uma igreja que ora transforma-se numa igreja sobrenatural. Ousa tentar o impossível, sabendo que aquilo para o qual o Senhor dá a direção, ele também provê. Tantas igrejas hoje em dia estão tentando realizar somente as coisas que conseguem fazer com a força humana. O que está a sua igreja ousando executar no nome de Cristo, que somente o Espírito d'Ele poderia realizar?

Era uma Igreja amorosa e generosa
Não somente se dedicavam a Cristo, mas também uns aos outros na vida comum da igreja. As necessidades materiais e espirituais eram partilhadas com a compreensão de que a porção que cada um dava era para o benefício mútuo de todos.

Era uma Igreja que curava
O mesmo poder para curar as necessida­ des psicológicas, físicas e espirituais das pessoas, revelado em Jesus de Nazaré, agora estava presente na Igreja. Ele deu o dom de curar mediante a oração, a fim de minorar o sofrimento do povo.

Era uma Igreja que crescia
Mas, perceba-se, que era o Senhor quem diariamente acrescentava as pessoas. Ele havia criado uma Igreja magnética, na qual as pessoas amavam a ele e umas às outras.

Para Refletir: "Dedicação alguma a Cristo será completa sem o propósito de renovação da igreja."

Desejo-lhes um ano de 2012 de grandes bênçãos e de grande comunhão com Jesus Cristo. Que Ele seja o CENTRO  de nossas vidas. A Ele a honra, a força, a glória e o poder para Sempre.
Pastor Gerson Luiz 
Comunidade Restauração e Vida
Extraído e Adaptado  do livro "O que Deus tem de Melhor para Sua Vida" 
de Lloyd John Ogilvie - Editora Vida

Dr. Lloyd John Ogilvie concentra seu ministério sobre o cuidado, encorajamento e apoio às empresas, políticos e líderes comunitários. Durante 23 anos atuou como pastor da Primeira Igreja Presbiteriana de Hollywood, Califórnia, e também tinha um rádio nacionalmente sindicado e do ministério de televisão. De 1995 a 2003, atuou como capelão do Senado dos Estados Unidos. 

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

É POSSÍVEL

Lembre-se de que a felicidade não depende de quem você seja ou dos bens que você tenha; depende apenas e tão-somente da maneira como você pensa. Dale Carnegie

Quando você determina na sua mente que alguma coisa é possível de realizar, você já deu um passo significativo na obtenção daquilo que você deseja alcançar. Imediatamente após você se conscientizar de que pode atingir aquele determinado alvo e, de muitas maneiras, no mesmo instante você começa a se beneficiar desse alvo.

Obviamente que a conquista de realizações requer mais do que apenas saber que é possível alcançar o que você tanto anseia. Contudo esses esforços vêm mais rapidamente na medida em que você se conscientiza de que certamente você pode alcançar aquele sonho.

Moody, o notável evangelista, costumava dizer: “Eu e Deus sempre somos maioria”. Isso é tudo de que você precisa: uma determinada confiança e dependência no Deus que torna os impossíveis uma exuberante e possível realidade.


Autor Desconhecido

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Deus Cuida de Mim

Cuida de mim como do lírio 
que nasce em pleno campo 

Que Maravilha!

Achei uma canção muito abençoada na Internet. Muito tempo atrás dela, uffa. Que bom que alguém tinha e compartilhou. Que letra inspirada de Manoel S. O. Filho. Que poesia linda. Bela canção na voz inigualável de Álvaro Tito. Um Flash back daqueles... Merecia até ser regravada.

E é claro, eu não podia deixar de compartilhar no blog. Espero que edifique sua vida.
"Cuida de mim como do lírio
que nasce em pleno campo
Cuida de mim como da ave bela
que voa ao dar seu canto
Cuida de mim como da criança
que com amor a todos feliz sorri
Cuida de mim como da brisa pura
que agora respiro aqui 

Cuida de mim mais que eu possa crer
de minha vida, do meu querer
Pois serei sempre tua ovelha
a mais querida
Cuida de mim com amor singular
assim creio no santo lar
Pois sei que Tu, meu Deus
Cuidas de mim 

Cuida de mim sempre que durmo
e em meio à madrugada
pousa em mim o seu tão doce espírito
que minh'alma é guardada
Cuida de mim em pleno dia
feliz, contente me faz andar
o seu amor sempre sustém meu ser
e assim me faz cantar"

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Quando As Circunstâncias Contradizem Nossa Visão

Vem lá o tal sonhador! (Gênesis 37:19)
A vida de José é uma história da intervenção divina. O Senhor tinha um grande destino para o sonhador de 17 anos. Mas aquilo por que tinha de fazê-lo passar, a fim de realizar esse sonh,9' é uma das histórias mais emocionantes da providência de Deus) em operação numa vida em todo o Antigo Testamento.

O sonho de José, no qual seus irmãos algum dia se curvariam perante ele, aumentou ainda mais a rivalidade e o ciúme entre eles. José era o favorito de Jacó e os irmãos sabiam disso. Seu atentado contra a vida de José e sua subsequente venda aos ismaelitas foi um ato de amargo ódio. Contudo, o Senhor tinha planos para transformar a sua má ação em bem. Não era por acaso que os ismaelitas, vindos de Gileade, passavam por ali. O Senhor queria que José fosse para o Egito a todo o custo.

Com frequência, as circunstâncias contradizem os nossos sonhos. Conseguimos uma visão do que nos está pela frente e então parece surgirem dificuldades que a contradizem. É bem provável que enquanto seguia para o Egito, José tenha sentido o desapontamento que todos nós às vezes sentimos. Mas Deus estava operando os seus propósitos.

Ao chegar ao Egito, José foi vendido a Potifar, capitão da guarda de Faraó. Na Casa de Potifar, ele subiu ao poder. Seus talentos naturais, multiplicados pelas bênçãos do Senhor, tiveram como resultado posição e autoridade sobre a casa do seu senhor. Essa circunstância também fazia parte do plano que levaria à realização do propósito divino de usar José como fonte de bênção; como aquele através de quem, ele, com o tempo, levaria Jacó e seus filhos para o Egito.

Apegue-se à visão que Deus lhe deu. As coisas difíceis pelas quais passamos preparam-nos para a realização da visão no horário divino e mediante o seu poder.


Pensamento: Não rejeitarei a visão que Deus me deu, mesmo quando as circunstâncias parecerem contradizê-la.
Uma mensagem de Lloyd John Ogilvie, Extraído do livro "O que Deus tem de Melhor para Sua Vida" de Lloyd John Ogilvie - Editora Vida

Dr. Lloyd John Ogilvie concentra seu ministério sobre o cuidado, encorajamento e apoio às empresas, políticos e líderes comunitários. Durante 23 anos atuou como pastor da Primeira Igreja Presbiteriana de Hollywood, Califórnia, e também tinha um rádio nacionalmente sindicado e do ministério de televisão. De 1995 a 2003, atuou como capelão do Senado dos Estados Unidos.


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Dinamize sua Fé com a Palavra de Deus

Lâmpada para os meus pés é tua palavra,
e luz para o meu caminho.(Salmos 119:105
)
Promessas da 
Palavra de Deus 

"Porque não passa de um momento a sua ira; o seu favor dura a vida inteira. Ao anoitecer pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã." (Salmo 30:5)

"Eu me alegrarei e regozijarei na tua benignidade, pois tens visto a minha aflição." (Salmo 31:7)

"Clamam os justos, e o Senhor os escuta, e os livra de todas as suas tribulações." (Salmo 34: 17)

"Por que estás abatida, ó minha alma? E por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu." (Salmo 42:5)

"Os que com lágrimas semeiam, com júbilo ceifarão. O que sai andando e chorando enquanto semeia, voltará com júbilo, trazendo os seus feixes." (Salmo 126:5,6)

"A ansiedade no coração do homem o abate, mas a boa palavra o alegra." (Provérbios 12:25)

"O coração alegre aformoseia o rosto, mas com a tristeza do coração o espírito se abate." (Provérbios 15: 13)

"Todos os dias do aflito são maus, mas a alegria do coração é banquete contínuo." (Provérbios 15: 15)

"O coração alegre é bom remédio, mas o espírito abatido faz secar os ossos." (Provérbios 17:22)

"Dar-vos-ei coração novo, e porei dentro em vós espírito novo; tirarei de vós o coração de pedra e vos darei coração de carne. " (EzequieI36:26)

"Eis que Deus é a minha salvação; confiarei e não temerei, porque o Senhor Deus é a minha força e o meu cântico; ele se tornou a minha salvação. Vós com alegria tirareis águas das fontes da salvação." (Isaías 12:2,3)

"Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo." (João 15:11)

"Assim voltarão os resgatados do Senhor, e virão a Sião com júbilo, e perpétua alegria lhes coroará as cabeças; o regozijo e a alegria os alcançarão; e deles fugirão a dor e o gemido." (Isaías 55: 11)

"Também o Espírito, semelhantemente, nos assiste em nossa fraqueza; porque não sabemos orar como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós sobremaneira, com gemidos inexprimíveis. E aquele que sonda os corações sabe qual é a mente do Espírito, porque segundo a vontade de Deus é que ele intercede pelos santos." (Romanos 8:26,27)

"Certamente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido." (Isaías 53:4)

"O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu, para pregar boas-novas aos quebrantados, curar os quebrantados de coração, a proclamar libertação aos cativos, e a pôr em liberdade os algemados; a proclamar o ano aceitável do Senhor e o dia da vingança do nosso Deus; a consolar todos os que choram, e a pôr sobre os que em Sião estão de luto uma coroa em vez de cinzas, óleo de alegria em vez de pranto, veste de louvor em vez de espírito angustiado; a fim de que se chamem carvalhos de justiça, plantados pelo Senhor para a sua glória. (Isaías 61:1-3)

Regozijar-me-ei muito no SENHOR, a minha alma se alegrará no meu Deus; porque me vestiu de roupas de salvação, cobriu-me com o manto de justiça, como um noivo se adorna com turbante sacerdotal, e como a noiva que se enfeita com as suas jóias. (Isaías 61:10)

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai das misericórdias e o Deus de toda a consolação; Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus. (2 Coríntios 1:3-4)

"Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós eterno peso de glória, acima de toda comparação, não atentando nós nas coisas que se vêem, mas nas que se não vêem; porque as que se vêem são temporais, e as que se não vêem são eternas." (2 Coríntios 4:17,18)

"Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao dia de Cristo Jesus." (Filipenses 1:6)

"Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós." (I Pedro 5:7)

"Amados, não estranheis o fogo ardente que surge no meio de vós, destinado a provar-vos, como se alguma coisa extraordinária vos estivesse acontecendo; pelo contrário, alegrai-vos na medida em que sois co-participantes dos sofrimentos de Cristo, para que também na revelação da sua glória vos alegreis, exultando." (1 Pedro 4:12,13)

"O amado do Senhor habitará seguro com ele: todo o dia o Senhor o protegerá, e ele descansará nos seus braços." (Deuteronômio 33:12)

"Bendito o homem que confia no Senhor, e cuja esperança é o Senhor. Porque ele é como árvore plantada junto às águas, que estende as suas raízes para o ribeiro, e não receia quando vem o calor, mas a sua folha fica verde; e no ano da sequidão não se perturba nem deixa de dar fruto." (Jeremias 17:7,8)

Mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão.(Isaías 40:31)

"Portanto, não vos entristeçais, porque a alegria do Senhor é a vossa força." (Neemias 8: 12)

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Como vencer a depressão

Tenho-vos dito isto, para que o meu gozo permaneça em vós,
 e o vosso gozo seja completo (João 15:11)
Uma das piores coisas que podemos dizer a uma pessoa que sofre de depressão é: "Liberte-se dela!" Ninguém gosta de estar deprimido e, quando condenamos a pessoa, não conseguimos ajudá-la. 

Quando Elias estava deprimido, Deus não disse: "Seu vagabundo, levante-se daí!" Pelo contrário, um anjo veio e lhe deu de comer e beber. Ele comeu, voltou a dormir, e então comeu de novo, quando acordou pela segunda vez. Para a maior parte das pessoas, a depressão se dá por um certo período. Do mesmo modo, para a maior parte, o seu desaparecimento é gradual. A aplicação dos princípios abaixo ajudará a pessoa deprimida no caminho para a recuperação: 

1. Comece a louvar a Deus
Isso pode ser muito difícil para alguém que se sente completamente desanimado. Mas é um mandamento que Deus nos deu: "Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco" (1 Tessalonicenses 5:18). 

É a vontade de Deus que você O louve sem importar como se sente. Isaías 61:3 diz que devemos colocar uma "veste de louvor em vez de espírito angustiado". Comece a louvar a Deus e o espírito angustiado fugirá. 

Paulo e Silas compreenderam que o louvor e a ação de graças podem trazer libertação. Eles tinham acabado de ser presos, açoitados e lançados na prisão com os pés presos no tronco. Se tivesse sido eu, provavelmente estaria pensando em como poderia retribuir o que eles me tinham feito. Mas os dois fizeram algo fora do comum. 

"Por volta da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam louvores a Deus" (Atos 16:25). Imediatamente, um terremoto abriu as portas da prisão e as suas cadeias se soltaram. Do mesmo modo, o louvor pode soltar as cadeias do desespero e desânimo que a depressão traz. As portas da escuridão podem abrir-se e fazer o radiante amor de Jesus Cristo brilhar no seu coração. 

2. Espere em Deus
No Salmo 42:11, Davi indaga: "Por que estás abatida, ó minha alma? por que te perturbas dentro em mim?" E ele mesmo responde à pergunta, dizendo logo em seguida: "Espera em Deus, porque ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu." Desvie os olhos dos seus problemas e comece a colocar em Deus sua esperança, confiança e fé. 

Quando Paulo disse que estava a ponto de desesperar da própria vida, ele compreendeu também que a sua esperança era confiar no Senhor. "Em quem temos esperado que ainda continuará a livrar-nos" (11 Coríntios 1:10). Paulo sabia que Deus não o abandonaria. Os homens sempre irão desapontá-lo, mas Deus nunca! 

"Ora, a esperança não confunde, porque o amor de Deus é derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi outorgado" (Romanos 5:5). Esperança em Deus, porque Ele ama você e quer ajudá-lo. 

3. Pense positivamente
A pessoa deprimida em geral está cheia de pensamentos negativos. Não assume uma atitude positiva. Aprenda a dizer com Paulo: "Tudo posso naquele que me fortalece" (Filipenses 4:13). Deus não está pedindo que você faça tudo por si mesmo. Ao contrário, Ele diz que você pode fazer tudo através do poder d’Ele. E: o poder de Jesus Cristo, e não o esforço próprio, que lhe dará vitória sobre a depressão. 

Em Filipenses 4:8, Paulo nos diz que devemos focalizar o pensamento nas coisas verdadeiras, respeitáveis, justas, puras, amáveis, de boa fama, virtuosas e louváveis. Deixe de andar na sombra e ande na luz. Isso vai fazer diferença. 

4. Peça a alegria de Jesus
Jesus disse em João 16:24: "Pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja completa." Peça que Cristo ponha a alegria d’Ele em sua vida - não uma emoção artificial, mas real, cem por cento pura, vinda do Senhor. "Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo" (João 15:11). 

Um dos frutos do Espírito é alegria. Peça que essa doçura seja liberada em sua vida. 

Neemias disse que a alegria do Senhor é a nossa força. A alegria do Senhor pode gerar nova vitalidade e energia em seu corpo cansado. 

5. Tome o jugo de Jesus
Muitas pessoas ficam deprimidas porque procuram enfrentar problemas que não podem resolver. A carga se torna pesada demais e elas não sabem como sair da pressão e tensão. 

Jesus não quis que a nossa vida fosse assim. "Vinde a mim todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós meu jugo, e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve" (Mateus 11:28-30). 

Jesus não permitirá que você enfrente mais dificuldade do que possa suportar. Nós é que colocamos os fardos sobre nós mesmos. 

Aprenda a entregar seus problemas a Cristo. Ele os resolverá e proverá a força emocional e física para tratar deles até que você ache a solução. 

6. Procure ocupar-se
Uma das piores coisas que uma pessoa deprimida pode fazer ficar inativa. A atividade traz alívio de muitas maneiras. Um reservatório de água estagnada gera doença. Isso não acontece com uma correnteza. 

Depois de Elias comer e beber, o anjo lhe disse que teria de fazer uma viagem. Também teria de ungir um rei para a Síria. 

Alguns dias mais tarde, descobriria seu sucessor Eliseu, e o :varia consigo. Deus deu a Elias muitas coisas para fazer. Se Deus o tivesse deixado inativo em seu desespero, ele teria definhado. 

Movimente-se. Talvez você tenha de obrigar-se a fazê-lo, pois o crescimento espiritual às vezes pode ser doloroso. É exatamente o que vai acontecer com a sua depressão. Você verá de um modo novo como Deus realmente cuida de você perceberá o poder que Ele tem para livrá-lo. 

Um período de depressão pode também ser a ocasião em que você ouve novamente a voz de Deus. Elias ainda estava deprimido quando se dirigiu ao Monte Horebe. "E eu fiquei só, e procuram tirar-me a vida" (1 Reis 19:10). Momentos mais tarde, Deus falou a Elias com "um ciclo tranquilo e suave". 

Você também pode ouvir a voz de Deus, mesmo que seja só um murmúrio. Com a ajuda de Deus, poderá dizer com Davi: "Tirou-me de um poço de perdição, dum tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos. E me pôs nos lábios um novo cântico, um hino de louvor ao nosso Deus." 

Como vencer a depressão 
1. Comece a louvar a Deus. 
2. Espere em Deus. 
3. Pense positivamente. 
4. Peça a alegria de Jesus. 
5. Tome o jugo de Jesus. 
6. Procure ocupar-se. 

Faça esta oração com sinceridade 
"Amado Senhor, estou desanimado, mas tenho uma nova esperança que Tu podes libertar-me desse jugo de depressão. Por isso, eu me proponho a desviar os olhos de mim mesmo e meus problemas, e vou olhar para Ti como a fonte da minha alegria. Quero Te agradecer, Senhor, que eu posso recorrer a Ti em minhas horas de necessidade, e quero Te louvar por todas as Tuas bênçãos e por tudo que fizeste por mim. Quero dedicar minha vida para Te servir, e oro para que Tu me enchas com a Tua alegria, e com a Tua paz, que excede todo o entendimento. E desde já eu Te agradeço Senhor, porque me libertaste da depressão. Em nome de Jesus, Amém."



Pr. Gerson Luiz
Comunidade Evangélica Restauração e Vida
Esta é mais uma mensagem de Rex Humbard (In memorian)

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

PONHA-SE ACIMA DA DEPRESSÃO (parte2)

Nunca me esquecerei da visita que fiz a uma senhora que estava morrendo de câncer. Ela vinha assistindo ao nosso programa por muitos anos. Sua filha tinha me pedido pata visitá-la. A casa ficava no fim de uma rua sem calçamento. Quando entrei, a filha me encaminhou a uma escada. No alto havia um quarto especialmente construído para a mãe. Quando abri a porta, o cheiro de morte dominava o ambiente. Aproximei-me da cama dela. Seu corpo estava destruído pelos efeitos do câncer. Sua voz estava muito fraca e eu quase não podia ouvi-la. Mas demonstrava um espírito forte. 

"Quero que você saiba quanto aprecio o seu programa", ela me disse alegremente. "Ouço você falar no rádio três vezes ao dia." 

Fiquei com ela por quase uma hora. Quando saí, estava tão comovido que não pude conter as lágrimas. 

Eu estava enfrentando muita pressão no meu ministério, e estava me sentindo desanimado quando fui visitar aquela senhora. Mas aqui estava uma mulher confinada a um pequeno quarto, desfigurada pelo câncer, e a poucos dias da morte, entretanto não tinha nada a reclamar. Não sentia pena de si mesma. Saí de lá com uma nova atitude, convencido de que se ela podia sentir-se otimista em tais circunstâncias, eu certamente podia fazer o mesmo. 

Se queremos nos libertar da masmorra da depressão, um dos primeiros passos é quebrar as grades da autocomiseração. Calcula-se que 80 por cento de todas as doenças têm sua origem em problemas emocionais. Mais da metade dos leitos de hospitais nos Estados Unidos são ocupados por pacientes que sofrem de perturbações emocionais. 

Há uma batalha enorme que se trava dentro de cada um de nós. É uma batalha para a conquista da mente, reunindo as forças do desespero, do desânimo e do desapontamento contra os grandes defensores da saúde humana: a alegria, a paz e a esperança. 

Quer estejamos conscientes ou não, é uma luta espiritual comandada, de um lado, pelo diabo, e, do outro lado, por Deus. A depressão é uma poderosa lutadora a favor das forças de Satanás. Você e eu somos o campo de batalha. O apóstolo Paulo torna isso muito claro em 2 Coríntios 10:3-5: "Porque, embora andando na carne, não militamos segundo a carne. Porém as armas da nossa milícia não são carnais, e, sim, poderosas em Deus para destruir fortalezas; anulando sofismas e toda altivez que se levante contra o conhecimento de Deus, levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo. " 

Quando estamos deprimidos, muitas vezes nos enchemos de pensamentos de inferioridade, desespero e outras atitudes mentais negativas. Cristo quer tomar estes pensamentos e afastá-los da nossa vida. Ele precisa ser Senhor dos nossos pensamentos, para poder ser Senhor da nossa vida. 

Salomão disse que o homem "como imagina em sua alma, assim ele é" (provérbios 23:7). Isto significa que nossos pensamentos podem controlar-nos. 

Se nos demorarmos em coisas negativas, ficaremos deprimidos. Por isso é que Salomão disse em Provérbios 4:23: "Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração." 

Como, então, podemos nos proteger contra a depressão? Por um lado, precisamos compreender que temos armas divinas. Efésios 6 descreve a armadura espiritual do soldado cristão que inclui o cinturão da verdade, a couraça da justiça, o capacete da salvação, a preparação do evangelho da paz, o escudo da fé e a espada do Espírito. Esta última arma é que me parece ser o segredo. A espada do Espírito é a Palavra de Deus. Na medida em que a usarmos contra as forças negras da depressão, alcançaremos a vitória. Hebreus 4:12 diz que a Palavra é "apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração". A Palavra de Deus nos capacitará a ver claramente qual é o problema que causou a depressão. O Salmo 119:30 diz: "A revelação das tuas palavras esclarece." Na medida em que você lê a Palavra de Deus, ela irá lançar luz sobre o seu problema. A depressão é escuridão espiritual e nenhuma escuridão pode resistir à luz de Deus. 

Ao passo que você compreende que a depressão é uma batalha pelo domínio da sua mente, então começará a ver a necessidade de escapar do seu domínio. 

No próximo post veremos COMO VENCER A DEPRESSÃO. Não deixe de acompanhar.

Abraços,


Pr. Gerson Luiz
Comunidade Evangélica Restauração e Vida
Esta é mais uma mensagem de Rex Humbard (In memorian)

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

PONHA-SE ACIMA DA DEPRESSÃO


"Tenho-vos dito estas coisas para que o meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo."

João 15:11

Winston Churchill, o grande líder da Inglaterra durante a Segunda Guerra Mundial, fez um discurso que se tornou famoso depois da desastrosa derrota inglesa em Dunquerque. "Lutaremos nas elevações, nunca nos renderemos." Todavia, você sabia que esse homem valente costumava afundar-se em profundos períodos de depressão?

A depressão, em maior ou menor escala, ataca a quase todas as pessoas em algum ponto da jornada da vida.

Por alguma razão, entretanto, nunca pensamos que os personagens bíblicos tivessem este problema. Em nossa mente os imaginamos como estando sempre cheios de esperança, alegria e poder. Mas, não é o que acontece. Na verdade, muitos dos heróis da Bíblia como Elias, Davi, Pedro e Paulo tiveram de enfrentar a depressão.

Um dos maiores milagres na vida de Elias se deu quando ele desafiou os profetas de Baal a um duelo, para ver quem servia o verdadeiro Deus. Tanto Elias como os sacerdotes de Baal construíram um altar no Monte Carmelo. Mas o fogo para consumir o sacrifício deveria descer do céu. Se Baal respondesse com fogo, então o deus deles teria sido o verdadeiro. Os 450 profetas de Baal gritaram e clamaram ao seu deus pedindo que mandasse fogo, porém nada aconteceu. Então chegou a vez de Elias.

Primeiro ele encharcou o sacrifício com água, três vezes, para que todos soubessem que Jeová era o Deus vivo. Ele então clamou a Deus e "caiu fogo do Senhor e consumiu o holocausto" (I Reis 18:38).

Foi um magnífico triunfo e Elias deveria ter-se sentido realizado. Todavia, em I Reis 19 vemos que a vida de Elias foi ameaçada por Jezabel. O poderoso Elias, o mesmo Elias que havia derrotado os profetas de Baal, e tinha vencido a carruagem do rei Acabe, agora estava fugindo. Nós o vemos amedrontado no deserto dizendo: "Basta; toma agora, Ó Senhor, a minha alma, pois não sou melhor do que meus pais" (I Reis 19:4). Elias estava deprimido.

Davi também conhecia os altos e baixos da depressão: "Salva-me, ó Deus, porque as águas me sobem até à alma. Estou atolado em profundo lamaçal, que não dá pé; estou nas profundezas das águas e a corrente me submerge. Estou cansado de clamar, secou-se-me a garganta; os meus olhos desfalecem de tanto esperar por meu Deus" (Salmo 42:11).

Mesmo um apóstolo que andou e falou com Jesus por três anos e O conhecia intimamente teve suas lutas com a depressão. Em Lucas 22, vemos que Pedro tinha negado a Jesus pela terceira vez. Imediatamente, o olhar penetrante de Cristo se encontra com o olhar amedrontado de Pedro. "Então, voltando-se o Senhor, fixou os olhos em Pedro, e Pedro se lembrou da palavra do Senhor, como lhe dissera: Hoje três vezes me negarás, antes de cantar o galo. Então Pedro, saindo dali, chorou amargamente" (Lucas 22:61,62). Pedro estava deprimido.

Paulo foi talvez o maior de todos os discípulos. Experimentou toda sorte de provas e tribulações, tendo escrito alguns dos seus mais famosos livros em uma prisão romana. Entretanto, mesmo esse extraordinário homem de Deus conhecia as profundezas da depressão. Aos coríntios ele escreve: "Porque não queremos, irmãos, que ignoreis a natureza da tribulação que nos sobreveio na Ásia, porquanto foi acima das nossas forças, a ponto de desesperamos até da própria vida" (1º Coríntios 1:8). Este texto deixa claro que Paulo estava falando tanto de desespero emocional como de perigo físico.

As causas da depressão
Calcula-se que oito milhões de norte-americanos sofrem de depressão anualmente. Centenas de milhares muitas vezes acabam num hospital, para tratamento. Milhões de outros sofrem no emprego ou em casa, receosos de admitir que se sentem derrotados.

Há um grande número de causas para a depressão, tanto de natureza emocional como física.

Elias evidentemente estava cansado quando pediu ao Senhor que lhe tirasse a vida. Numa manifestação de força sobrenatural, ele tinha corrido na frente da carruagem de Acabe desde o Monte Carmelo até Jezreel. Era uma distância de uns 40 quilômetros, que quase corresponde à distância de uma maratona atual. Só acompanhar uma pessoa que percorreu essa distância já deixa a gente cansada. E: preciso uma semana para se recuperar dos efeitos de uma corrida dessas. Por conseguinte, Elias, sem dúvida, estava exausto. Em I Reis 19:5, se diz que ele "deitou-se e dormiu debaixo do zimbro".

Na marcha frenética em que vivemos hoje em dia, quase todos nos sentimos cansados em certas ocasiões. Mães que trabalham fora, não só têm o exaustivo dever de criar os filhos e cuidar da casa, mas também se gastam com as exigências do emprego.

Maridos, para compensar a inflação, trabalham ainda mais para aumentar sua renda. O cansaço físico aumenta grande mente a nossa suscetibilidade à depressão, porque é irritante e fatigante enfrentar qualquer dificuldade.

Elias também estava emocionalmente exausto. A confrontação com os profetas de Baal foi uma experiência estimulante. Foi urna hora de grande expectativa e maravilhosa realização. Mas é exatamente após um clímax emocional desses que muitos caem nas profundezas do desespero. Uma vez que você chega ao alto da montanha, não há outro caminho a não ser a descida.

Quantos de nós temos experimentado episódios semelhantes. Acabamos de atingir um alvo na vida que buscávamos há tempo, como um novo emprego, uma bela casa e, não muito tempo depois, ficamos surpresos de nos sentirmos abatidos. f: simplesmente porque estivemos muito ansiosos e tensos na conquista do alvo, e ficamos emocionalmente gastos quando o alcançamos.

Na realidade, qualquer espécie de tensão pode levar-nos à depressão.

Um eminente professor de psiquiatria na Universidade de Washington apresenta as dez principais causas de tensão como sendo:

1. Morte de um cônjuge
2. Divórcio
3. Separação conjugal
4. Prisão
5. Morte de um membro chegado da família
6. Desastre ou enfermidade
7. Casamento
8. Perda do emprego
9. Reconciliação conjugal
10. Aposentadoria

Sem dúvida há muitas outras, como saúde responsabilidades financeiras, adaptação a uma nova residência, etc. Mas uma dessas causas ou a combinação delas pode causar problemas emocionais e físicos que nos levam facilmente à depressão.

A pessoa em estado de depressão tende a isolar-se desejando estar só. Muitas vezes fica ansiosa e preocupada. Perde a energia e o apetite. Chora facilmente e se sente imprestável. Descuida-se de sua aparência pessoa!

Auto comiseracão
A auto comiseração é um sintoma quase universal ela depressão. As duas se casam como a mão numa luva. Quanto mais pena a pessoa tem de si mesma, pior se torna a depressão.

Não importa que as circunstâncias realmente não sejam tão ruins. Aos seus próprios olhos, ela não consegue imaginar que possam ser piores. A auto comiseração aumenta a depressão. f: um terreno fértil para as sementes do desespero.

É muito fácil cairmos nessa armadilha. Quando algo sai errado ou alguém nos fere, temos a tendência de consolar-nos sentindo pena de nós mesmos. Afinal das contas, se não o fizermos, quem o fará?

Mas não é preciso que seja assim. Em nosso próximo estudo estaremos verificando aspectos da depressão e os recursos que Deus nos disponibilizou para vence-la.

Fique na paz.

Pr. Gerson Luiz
Comunidade Evangélica Restauração e Vida
Esta é mais uma mensagem de Rex Humbard (In memorian)

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Com Muito Louvor



Gosto demais da canção COM MUITO LOUVOR da Cassiane, e achei muito bacana no ritmo de samba pelo cantor Waguinho. Não tive dúvidas, postei os dois estilos.

Então Louve... simplesmente... LOUVE.








Com muito louvor (Cassiane)

Deus não rejeita a oração, oração é alimento
Nunca vi um justo sem resposta, ou ficar no sofrimento
Basta somente esperar, o que Deus irá fazer,
Quando Ele estende suas mãos, é a hora de vencer

Então louve, simplesmente louve
Tá chorando louve, precisando louve
Tá sofrendo louve, não importa louve
Seu louvor invade o céu

Deus vai na frente abrindo caminho
Quebrando as correntes, tirando os espinhos
Ordena aos anjos pra contigo lutar
Ele abre as portas pra ninguém mais fechar
Ele trabalha pra quem nele confia
Caminha contigo de noite ou de dia
Erga suas mãos sua bênção chegou
Comece a cantar com muito louvor

Com muito louvor, com muito louvor
Com muito louvor

A gente precisa entender, o que Deus está falando
Quando Ele fica em silêncio, é porque está trabalhando
Basta somente esperar,o que Deus ira fazer,
Quando ele estende suas Mãos é a hora de vencer 

Então louve, simplesmente louve
Tá chorando louve, precisando louve
Tá sofrendo louve, não importa louve
Seu louvor invade o céu

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Crescimento na Vida Cristã


Eu creio que você vai concordar comigo que uma das coisas mais tristes da vida é ver uma criança que não se desenvolveu mental ou fisicamente. Nas viagens que eu tenho feito através do Brasil e nos Estados Unidos tenho observado algumas destas pessoas sendo levadas pelos seus pais pelas ruas e lojas da cidade. Tenho visto elas com um ano, cinco anos, quinze anos e até vinte cinco a trinta anos de idade. Não podem ser deixadas sozinhas, não podem ir sozinhas a um lugar qualquer, mas devem ser levadas pela mão.

O meu lamento é ver a mesma doença entre os cristãos, não uma doença física, no entanto espiritual. Tenho observado alguns que tem cinco, dez, quinze, e até vinte e cinco anos de igreja, mas ainda continuam espiritualmente imaturos. O pastor está sempre tendo que cantar uma "canção de ninar", pois estas pessoas necessitam ouvir palavras suaves e doces que agradam aos ouvidos.

O apóstolo Paulo falou o seguinte aos Coríntios: "Leite vos dei a beber, não vos dei alimento sólido, porque ainda não podíeis suportá-lo. Nem ainda agora podei; porque ainda sois carnais. Porquanto, havendo entre vós ciúmes e contendas, não é assim que sois carnais e andais segundo os homens?" (I Coríntios 3:2-3).

Em I Coríntios 1:7 Paulo fala bem a respeito dos Coríntios dizendo: "... De maneira que nenhum dom vos falta..." Note bem que os Coríntios eram usados grandemente por Deus através dos dons espirituais. Eles profetizavam, faziam curas, exercitavam a sua fé, falavam em línguas, interpretavam mensagens de outras línguas, discerniam espíritos malignos e falsos, falavam palavras de sabedoria e demonstravam conhecimento. No entanto, em seguida no capítulo três, Paulo os chama de "nenês"! Ele foi obrigado alimentar esta igreja com leite (no sentido de tratar coisas básicas da fé) porque esta igreja não podia comer alimento sólido. Ele foi muito claro e objetivo em dizer-lhes que só podia dar leite porque eram nenês, totalmente sem aptidão para comer alimento sólido. Alguns criticariam Paulo, alegando que estava julgando. Ao contrário, estava apenas observando o fruto produzido por eles. Infelizmente o fruto que ele viu era tudo carnal e não espiritual.

As condições espirituais no homem interior produzirão fruto espiritual (Veja Gálatas 5:22-23 e compare com Gálatas 5:19-21). Pode-se perdoar determinadas manifestações carnais em uma criança, mas jamais se perdoaria a mesma manifestação de um adulto. Que tal aplicar a mesma regra no mundo espiritual da igreja?

Tenho encontrado ao longo dos anos do meu ministério pessoas que se ofendem por qualquer coisa: o pastor não aperta sua mão, deixa de lhes saudar, não chamou para cantar, não deu oportunidade para testemunhar, e uma outra porção de supostas desculpas que elas determinam ser razões. E também há pessoas que deixam de ir na igreja por causa de uma mensagem pregada pelo pastor. Eles alegam que o pastor vasculhou sua vida para lhes pregar do púlpito. Estas pessoas são tão carnais que não podem compreender e admitir que provavelmente Deus deu a mensagem ao pastor. Elas levam tudo ao lado material e carnal. Estas pessoas não entendem que o mero fato de ficar ofendido com a Palavra de Deus é sinal de imaturidade e carnalidade. Existem aquelas que consideram a igreja e o culto como desculpa de fazer desfile de moda. Para outros é meramente um encontro social, uma oportunidade de colocar as conversas e fofocas em dia. O culto na igreja em muitos lugares, em vez de ser um encontro espiritual com Deus, tem se tornado um evento puramente social, um lugar aonde pode se encontrar com o (a) namorado (a) entre outros amigos. Julgue-me se quiser, mas quando vejo rapazes do mundo se congregando do lado de fora da igreja com a intenção de procurar uma namorada dentre as moças, isto indica que falta algo do lado espiritual das pessoas e consequentemente da igreja.

Se estas pessoas começassem a se alimentar com a Palavra de Deus, com oração e jejum aconteceria maravilhas espirituais em vez da visual de fruto carnal. Tenho sempre encorajado meu próprio filho, Jonathan, a comer alimento sadio, como feijão, beterra­ba, alface, batata, arroz, etc. Se eu tivesse deixado ele só com leite não teria desenvolvido no menino sadio que é hoje. E este é o desejo de Deus com nossa vida espiritual. A sua Palavra nos exorta, nos corrige, e até nos castiga, mas é para o nosso bem, e de nosso crescimento e desenvolvimento espiritual. Veja mais uma vez uma palavra forte, mas que foi nos dado para nossa reflexão e subsequente bem-estar: "Pois, com efeito, quando devíeis ser mestres, devido ao tempo decorrido, tendes, novamente, necessidade de alguém que vos ensine, de novo, quais são os princípios elementares dos oráculos de Deus; assim, vos tornastes como necessitados de leite e não de alimento sólido. Ora, todo aquele que se alimenta de leite é inexperiente na palavra da justiça, porque é criança." (Hebreus 5:12-13).

É hora de sermos adultos neste caminhar cristão. Chega de ofensas, de invejas e contendas. Deus tem para nós grandes coisas a experimentar, mas não podemos permanecer­ como nenês na fé. Como nenês, podemos desejar o puro leite espiritual (I Pedro 2:2), mas sendo adultos podemos nos alimentar de alimento sólido. A Palavra nos fala mais uma vez: "Mas o alimento sólido é para os adultos, para aqueles que, pela prática, têm as suas faculdades exercitadas para discernir não somente o bem, mas também o mal." (Hebreus 5:14)

Não esqueça que a Palavra de Deus nos manda a perdoar nosso irmão, até antes que ele nos ofenda! E quando andamos perdoando aos outros, Deus também nos livra de todo o nosso pecado. Vamos amar uns aos outros. Deixe as ofensas. Esqueça as injustiças que fizeram contra você. Injustiçaram também a Jesus e ele tudo suportou. Deixe que Ele viva em você! Perdoe ao seu irmão. Ame como Cristo amou!

Leia novamente, e com muita atenção I Coríntios 13. Se não entender todas a palavras, procure-as em um dicionário, para que fique intereirado acerca desta passagem e verdade maravilhosa.



Por Michael D. Walmer
extraído do site  www.simfiel.com.br
com autorização do Pr. Phillip D. Walmer

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Quando não Há Palavras

Música muito linda do grupo Voices. Vale Conferir!
Quando não há palavras
Voices

Não há palavras 
Que possam expressar 
A intensidade do amor 
Que sinto por você...
Queria inventar 
Uma palavra inédita e especial, 
Que eu pudesse recitar pra você, 
Em meio a poesias apaixonadas...
Enquanto eu não invento essa palavra... 
Olhe nos meus olhos, 
Você vai encontrar um amor inédito só pra você...

Eu te amo, mesmo quando não há palavras
Eu te amo, mesmo quando não há sorrisos
Eu te amo, te amo...
Eu preciso te dizer: eu te amo!!!


quarta-feira, 10 de agosto de 2011

A Viagem

Dia desses, li um livro que comparava a vida, a uma viagem de trem. Uma comparação extremamente interessante, quando bem interpretada. Interessante, por­que nossa vida é como uma viagem de trem, cheia de embarques e de­sembarques, de pequenos acidentes pelo caminho, de surpresas agradá­veis com alguns embarques e de tris­tezas com os desembarques.

Quando nascemos, ao embar­carmos nesse trem, encontramos duas pessoas que, acreditamos, fa­rão conosco a viagem até o fim: Nos­sos pais. Não é verdade.

Infelizmente, em alguma esta­ção eles desembarcam, deixando-nos órfãos de seus carinhos, proteção amor e afeto.

Mas isso não impede que, du­rante a viagem, embarquem pessoas interessantes que virão a ser especi­ais para nós. Embarcam nossos ir­mãos, amigos e amores.

Muitas pessoas tomam esse trem a passeio. Outros fazem a via­gem experimentando somente triste­zas. E no trem há, também, pessoas que passam de vagão a vagão, pron­tas para ajudar a quem precisa. Muitos descem e deixam saudades eter­nas. Outros tantos viajam no trem de tal forma que quando desocupam seus assentos, ninguém sequer per­cebe.

Curioso é considerar que al­guns passageiros que nos são tão caros, acomodam-se em vagões di­ferentes do nosso, isso nos obriga a fazer essa viagem separados deles. Mas claro que isso não nos impede de com grande dificuldade de atraves­sarmos nosso vagão e chegarmos até eles. O difícil é aceitarmos que não podemos nos assentar ao seu lado, pois outra pessoa estará ocupando esse lugar.

Essa viagem é assim cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, embarques e desembarques. Sabe­mos que esse trem jamais volta. Fa­çamos então essa viagem da melhor maneira possível, tentando manter um bom relacionamento com todos os passageiros, procurando em cada um deles o que tem de melhor, lembran­do sempre que, em algum momento do trajeto poderão fraquejar, e prova­velmente, precisaremos entender isso.

Nós mesmos fraquejamos algumas vezes. E, certamente, alguém nos entenderá.

O grande mistério, afinal, é que não sabemos em qual parada desce­remos. E fico pensando: quando eu descer desse trem sentirei saudades? Sim. Deixar meus filhos viajando nele sozinho será muito triste. Separar-me de alguns amigos que nele fiz, do amor da minha vida, será para mim dolorido. Mas me agarro na esperan­ça de que em algum momento, esta­rei na estação principal, e terei a emo­ção de vê-los chegar com sua baga­gem, que não tinham quando embar­caram. E o que me deixará feliz é sa­ber que, de alguma forma, eu colabo­rei para que ela tenha crescido e se tornado valiosa. Agora, nesse mo­mento, o trem diminui a sua velocida­de para que embarquem e desembarquem pessoas. Minha expectativa au­menta, à medida que o trem vai dimi­nuindo sua velocidade...

Quem entrará? Quem sairá? Eu gostaria que você pensasse no desembarque do trem, não só como representação da morte, mas, tam­bém, como o término de uma histó­ria, de algo que duas ou mais pesso­as construíram e que por um motivo ínfimo, deixaram desmoronar.

Fico feliz em perceber que cer­tas pessoas, como nós, tem a capa­cidade de reconstruir para recomeçar. Isso é sinal de garra e de luta, é sa­ber viver, é tirar o melhor de "todos os passageiros".

Agradeço a Deus por você fa­zer parte da minha viagem, e por mais que nossos assentos não estejam lado a lado, com certeza, o vagão é o mesmo.

"Anônimo"

Extraído com autorização do excelente Site http://www.simfiel.com.br de Philip D Walmer

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Amar ao Próximo

Para Meditar.

No Livro de 1º João 2:9-11 lemos: "Aquele que diz que está na luz, e odeia a seu irmão, até agora está em trevas. Aquele que ama a seu irmão está na luz, e nele não há escândalo.Mas aquele que odeia a seu irmão está em trevas, e anda em trevas, e não sabe para onde deva ir; porque as trevas lhe cegaram os olhos.

Ainda no livro de 1º João 3:15 Diz: Qualquer que odeia a seu irmão é homicida. E vós sabeis que nenhum homicida tem a vida eterna permanecendo nele.

Quer dizer: Sabemos que temos que amar nosso irmão. Mas então alguém pode querer dissimular dizendo: "Sim, mas tem um a quem não consigo amar.Sabe por quê? Porque esse ai não deve nem ser meu irmão." Bom, como você pode afirmar isso? Como se atreve a constituir-se em Juiz?

Mas, que seja assim. Ainda que não seja teu irmão, então deve ser teu Próximo?! Lembre então que Jesus Cristo disse: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo." Mateus 22:39. De maneira que não há saída - devemos amar o próximo como o Senhor mesmo ordenou.

Mas alguém ainda pode dizer: "Não, Não, Não, acho que esse tal não é nem sequer o meu próximo. De fato, acho que ele é meu inimigo. Pois é, mas nem aí o Senhor e Cristo não nos dá escapatória, ele diz: "Eu, porém, vos digo: Amai a vossos inimigos, bendizei os que vos maldizem, fazei bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos maltratam e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus." Mateus 5:44.

Então, se a pessoa é seu irmão, você deve amá-lo. Se É o seu próximo você deve amá-lo. E se for seu inimigo, também você deve amá-lo.

Medite nestas coisas, pois Deus quer mudar sua vida e sua historia.

Por Pastor Noco


Pastor Noco é casado com nossa prima Jacqueline 
e juntos com seus filhos, servem a Dus na IEQ de Agudos/SP

Why My Lord



Segue um vídeo muito bacana com o hino Why me Lord interpretada na bela voz do Pastor Amauri Borges.




Tradução:

Por que eu Senhor? 

O que eu já fiz
Para merecer sequer um dos prazeres que eu tenho vivido?
Diga-me Senhor o que foi que eu fiz para merecer te amar
E a bondade que o Senhor me demonstrou)?
Senhor Jesus eu te louvarei
Me ajude Jesus 
Eu sei quem sou
Agora que eu sei que eu preciso do Senhor
Ajuda-me Jesus, minha alma está em suas mãos
Prova-me Senhor, 
Se achas que há uma maneira que eu possa sempre retribuir
Tudo o que eu recebi de Ti
Senhor, Que eu possa mostrar a alguém o perdão que recebi de Ti
No meu caminho de volta para o Senhor
Senhor Jesus eu louvarei
Me ajude Jesus Eu sei quem sou em Ti, Oh sim!
Agora que eu sei que eu preciso do Senhor
Ajuda-me Jesus, minha alma está em suas mãos
Jesus, minha alma está em suas mãos.


Veja também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...