Pular para o conteúdo principal

Compromissos criativos e compromissos destrutivos

Leitura bíblica: Apocalipse 2:25-27.

Versículo-chave: Tão-somente conservai o que tendes, até que eu venha (Apocalipse 2:25).

Um dos problemas mais persistentes da vida cristã é o compromisso. O problema reside na capacidade de descobrir a diferença entre o compromisso criativo e o destrutivo. 

De certa forma, a maturidade cristã nos toma livres para fazer compromissos. Perdemos a necessidade rígida de sempre ter razão e começamos a ver o ponto de vista da outra pessoa. Somos capazes de ter um diálogo e dar inicio a acordos aceitáveis a todos os interessados. Com o amor de Cristo em nosso coração, e tendo a lei do amor como base de nosso pensar, podemos entrar em cada situação, indagando: "O que é que o amor exige?"

O cristão também está livre do compromisso destrutivo. Ele é capaz de permanecer firme quando for tentado a tomar-se parte de uma situação em que as pessoas serão desumanizadas ou frustradas. Ele pode procurar descobrir a vontade de Cristo e fortalecer as suas convicções.

Em Tiatira, os crentes haviam caído nos compromissos destrutivos. A fim de sobreviver economicamente, eles tinham de tomar-se membros das agremiações que faziam o comércio da lã e desenvolviam a indústria da tinta, que traziam fama a Tiatira. Mas essas associações comerciais exigiam de seus membros a participação em cerimônias e sacrifícios a deuses pagãos. As reuniões dessas sociedades começavam e terminavam com sacrifícios, e eram cheias de Imoralidade sexual. Podia o crente participar delas? Muitos haviam participado, e é este o desafio que Jesus lhes dirige. Os crentes tinham ido longe demais. O compromisso estava destruindo o seu relacionamento com Cristo.

Considere as oportunidades que você tem hoje: em quais delas Cristo o chama para se comprometer e em quais ele lhe oferece poder para não se comprometer?

Pensamento do dia: Hoje, Cristo me mostrará a diferença entre um compromisso criativo e um compromisso destrutivo.

Por Lloyd J Ogilvie
do Livro 'O que Deus tem de Melhor para a minha Vida' 
Editora Vida




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aparente derrota, Vitória de Fato

Graças, porém, a Deus que em Cristo sempre nos conduz em triunfo. (2 Co 2.14.) 

De aparentes derrotas Deus tira as Suas maiores vitórias. 
Muitas vezes o inimigo parece triunfar temporariamente, e Deus assim permite. Depois então Ele confunde toda a obra do inimigo, desfaz sua aparente vitória e, como diz a Escritura, "transtorna o caminho dos ímpios". 
Assim Ele nos leva a experimentar uma vitória muito maior do que se não tivesse permitido ao inimigo um aparente triunfo no início. 
A história dos três moços hebreus lançados na fornalha ardente é bastante conhecida, e nos traz um exemplo de vitória aparente do inimigo. Parecia que os servos do Deus vivo iam sofrer uma terrível derrota. Por certo todos nós já estivemos em situações onde parecíamos derrotados — e o inimigo se regozijava. Podemos imaginar a derrota completa que os três jovens pareciam estar sofrendo: lançados na fornalha, com os inimigos observando para vê-los arder naquelas chamas. Porém, em que grande pasmo fica…

Manhã com Deus

Prepara-te para amanhã, para que subas..., e ali te apresenta a mim no cume do monte. Ninguém suba contigo. (Êx 34.2, 3.) 

 O momento matinal com Deus é essencial. Não podemos encarar o dia sem ter olhado para Deus, nem ter contato com outros, sem primeiro ter estado em contato com Deus. Não podemos esperar vitória, se começamos o dia na nossa própria força. Enfrentemos o trabalho de cada dia sentindo a influência de alguns momentos tranqüilos com o coração diante de Deus. Não entremos em contato com ninguém, mesmo os de casa, sem ter primeiro conversado com o grande hóspede e companheiro de nossa vida — Jesus Cristo. Conversemos a sós com Ele regularmente. Conversemos a sós com Ele diante da Bíblia, e enfrentemos os deveres habituais e não habituais de cada dia, tendo a influência dEle a controlar cada um de nossos atos. Tens hoje muito que fazer, talvez; Fala com Deus, primeiro. As coisas mudam tanto de figura Quando encaradas lá, A sós com Deus. Familiariza-O com esses teus ass…

Falar é Prata, Escutar é Ouro

“Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar. Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus” Tiago 1:19-20).
Recebi esse texto abaixo para meditação da Rádio BBN e resolvi compartilhar com vocês que acompanham-me pelo BLOG do Pastor Gerson Luiz. A mensagem é muito boa e vai acrescentar muito para quem tirar alguns minutos para ler meditar.
Aproveito para recomendar a programação da Rádio BBN que pode ser sintonizada pela WEB. Copie o link a segui e aproveite: http://www.bbnradio.org/jwplayer/players/browsers/portuguese.htm O ditado popular: “Falar é prata, escutar é ouro” reflete essa verdade preciosa. No texto acima entendemos que muitos de nós ainda precisa escutar mais e falar menos. Infelizmente, muitas vezes fazemos o contrário do que Deus nos exorta em Sua palavra. Quantas vezes somos tardios para ouvir, prontos para falar e mais prontos ainda para nos irar? E assim perdemos a oportunidade de experimentar a justiça…