Acompanhe este Blog clicando em SEGUIR

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Os Discípulos de Jesus e o Sermão do Monte

Gostaria de compartilhar algo sobre o tema SER DISCÍPULO de Jesus, do excelente livro SER É O BASTANTE do pastor e escritor Carlos Queiroz. Esse livro foi recomendado pela minha filha Raquel e tem sido já nesses primeiros capítulos uma aventura de fé muito boa.

"...E Jesus, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-se, aproximaram-se dele os seus discípulos; E, abrindo a sua boca, os ensinava..." Mateus 5:1-2

Os Discípulos de Jesus são cidadãos do Reino de Deus. 

O Sermão da Montanha, por exemplo, é um conjunto de instruções que Cristo deixou para seus discípulos e, sem exagero, somente os discípulos de Jesus entenderão de fato a proposta  e se regozijarão com ela .

Somente os discípulos aceitam a ideia de:
  • Se tornarem SENSÍVEIS (Bem aventurados os que choram);
  • O gesto nobre de PEDIR PERDÃO;
  • O ato Liberador de PERDOAR;
  • A atitude de AMAR E ORAR PELOS INIMIGOS;
  • Andar com o inimigo "DUAS MILHAS";
Somente os discípulos ENTENDERÃO e ACEITARÃO a possibilidade de SEREM PERSEGUIDOS por causa do NOME DE JESUS.

Os ensinos do Sermão do Monte desafiam os discípulos a um estilo de vida diferenciado dos demais: "Não vos assemelheis a eles". Esta frase é repetida várias vezes no Sermão. Mas a quem o discípulo não deve se assemelhar e por que? 1) Aos escribas e Fariseus - Mateus 6:1-2 e 2) aos gentios, profanos e publicanos - Mateus 5:46. O discípulo de Jesus não carrega sobre si a imagem de religioso (vida de aparência e hipocrisia), nem é, ao mesmo tempo, um publicano ou gentio (isto é, de vida devassa, desregrada e incrédula). Seu estilo de vida deve romper com a superficialidade da religião e a futilidade do não religioso. Por isso o discípulo é mal compreendido pelos religiosos e não aceito pelos não-religiosos.

O discípulo é aquele que abraça o projeto anunciado por Jesus anunciado em to o Sermão do Monte... Os discípulos são agentes pensantes... 

No evangelho há uma hierarquia, sem dúvida, todavia é uma invertida: os maiores serão os menores; os últimos serão os primeiros; os membros menos decorosos merecedores de maior honras; e assim por diante. O amor a Deus, relacionamentos comunitários profundos e serviço ao próximo são marcas da nova comunidade de discípulos.

Mensagem extraída Do Livro SER É O BASTANTE 
de Carlos Queiroz, páginas 35 e 36, Encontro Publicações

Segue também a canção DISCÍPULO TEU do grupo PRISMA de 1988.

Discipulo Teu
Prisma Brasil

Mestre, quero ser um discípulo Teu
Mestre, quero ser um discípulo Teu

Talvez a minha vida são seja o que Tu queres
Talvez ainda esteja de Ti distanciado
No entanto ao ouvir o Teu chamado
Pensei em ser aquilo que Tu queres que eu seja
Quero ser um novo ser, que eu quero estar onde estás.

Mestre, quero ser um discípulo Teu


Veja também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...