Culpa: Um Capataz Cruel (parte 3 e final)

Cristo liberta da Culpa
Chegamos na parte final desse estudo, es espero que esta venha a confirmar a boa obra que Deus reservou para você. Acompanhe conosco.

Precisamos Aprender a Esquecer

A vida é cheia de tristezas, problemas e ansiedades. Muitas vezes não podemos controlar essas coisas. Mas podemos aumentar as dificuldades, quando nos sentimos culpado. Torturamo-nos pensando: “Oh, se eu tivesse feito alguma outra coisa, isso não teria acontecido”. Você deixa a culpa e a condenação crescer dentro de si e fica confuso.

É nessas ocasiões que você precisa aprender a Oração da Serenidade: “Senhor, concede-me a força para aceitar as coisas que não posso mudar, coragem para mudar as que posso, e sabedoria para reconhecer a diferença entre elas”.

Quando surgirem essas ocasiões de auto condenação, por alguma coisa além do nosso controle, precisamos aprender a fazer o que nos ordena I Pedro 5:7: “Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós”. E também o que diz o Salmo 55:22 ”Confia os teus caminhos ao Senhor e ele te susterá; jamais permitirá que o justo seja abalado”.

Confie Os Seus Cuidados Ao Senhor
Lance-os todos sobre Ele. Peça que Ele os remova Completamente da sua Memória.

Do mesmo modo que deve ter havido outros “gansos” na vida de Alfredo, poderá haver outras ocasiões de pecado em sua vida. Felizmente Deus sabe que nos fez esta promessa em 1 João 2:1 “Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo”.

Este texto promete que, quando cometemos um erro, quando caímos em pecado, não estamos sozinhos, mas Jesus Cristo está conosco, servindo como advogado, defendendo a nossa causa. Tudo que temos a fazer é admitir a Jesus a nossa necessidade, confessar que pecamos e pedir que Ele nos perdoe e Ele fará exatamente isso.

É muito importante lembrar que quando cometemos um erro, quando Deus perdoa, é como se o nosso pecado nunca tivesse existido. Ele foi apagado. “Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”, Romanos 8:1.

Quando você se sentir condenado por pecados que Deus já perdoou, simplesmente lembre-se, não é Deus quem o está acusando! Ele ama você. Ele quer que você seja perdoado e viva um vida livre de culpa. (Não se esqueça que você é uma nova criatura II Coríntios 5:17)

Como Ficar Livre Da Culpa
1. Admita o sentimento de culpa. Não procure negar que ele está lá, nem o ignore ou esconda.
2. Identificar a fonte da culpa. Se você realmente tem algum pecado incofesso, a culpa vem do Espírito Santo que está operando em você. Se a culpa é de pecados do passado, que você já confessou a Deus, a culpa vem do diabo.
Satanás vai continuar desenterrando coisas do passado, procurando acusar-nos. “Então, ouvi grande voz do céu, proclamando: Agora, veio a salvação, o poder, o reino do nosso Deus e a autoridade do seu Cristo, pois foi expulso o acusador de nossos irmãos, o mesmo que os acusa de dia e de noite, diante do nosso Deus” (Apocalipse 12:10)
O versículo seguinte nos mostra como derrotas Satanás. “Eles, pois, o venceram por causa do sangue do Cordeiro e por causa da palavra do testemunho que deram”.
“Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados” (Atos 3:19).
3. Perdoe os outros inteiramente. Examine se coração em relação a qualquer pessoa contra quem você tenha ódio, raiva ou desconfianças, e então perdoe, independente do que lhe tenham feito no passado.
4. Perdoe-se a si mesmo completamente. Qualquer coisa do seu passado que o condene, perdoe-se por isso completamente.
5. Confesse a sua culpa e necessidade a Deus sem reservas. Admita a sua incapacidade para enfrentar a situação sozinho e peça a Deus a Sua misericórdia.
6. Aceite o perdão e a purificação completa de Deus. Quer você sinta alguma coisa ou não, ande pela fé, sabendo que Deus promete perdoar e esquecer. Ele sempre cumpre as Suas promessas.
7. Resista ao diabo. Visto que Deus não o condena por seus pecados passados, depois de os haver perdoado, compenetre-se de que a condenação vem do diabo e recuse-se a ouvi-lo. Cite a palavra de Deus a ele.
8. Faça restituição quando possível. Em alguns casos, não há jeito de fazer restituição em outros, isso faria mal à pessoa do que manter silêncio. Aceite as coisas que você não pode mudar, mas mude rapidamente o que pode. (Alguém disse que o perdão/restituição deve ser feito na esfera em que foi cometido).

FAÇA ESTA ORAÇÃO COM SICERIDADE
"Amado Senhor Jesus, confesso-Te os meus pecados, e peço o Teu inteiro perdão. Limpa-me de toda injustiça. Sabes que também me sinto culpado das coisas do meu passado. Já Te pedi que me perdoes, mas parece que não consigo esquecer e perdoar a mim mesmo. Ajuda-me a perdoar outros e acertar a situação com aqueles a quem magoei. Confesso minha incapacidade de tratar desta culpa que sinto, e Te peço que apague da minha vida. Livra-me dessa escravidão. Pela fé, eu sei que me perdoaste inteiramente. E eu Te agradeço por me ajudares a perdoar a mim mesmo e aos outros. Amém."

Promessas da Palavra de Deus
“Bem-aventurado aquele cuja iniqüidade é perdoada, cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o SENHOR não atribui iniqüidade e em cujo espírito não há dolo.” Salmo 32:1,2

“Confessei-te o meu pecado e a minha iniqüidade não mais ocultei. Disse: confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu perdoaste a iniqüidade do meu pecado”. Salmo 32:5

“Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim e dos teus pecados não me lembro”. Isaías 43:25

“Desfaço as tuas transgressões como a névoa e os teus pecados, como a nuvem; torna-te para mim, porque eu te remi”. Isaías 44:22

“Mas, se o perverso se converter de todos os pecados que cometeu, e guardar todos os meus estatutos, e fizer o que é reto e justo, certamente, viverá; não será morto”. Ezequiel 18:21

“E, quando estiverdes orando, se tendes alguma coisa contra alguém, perdoai, para que vosso Pai celestial vos perdoe as vossas ofensas”. Marcos 11:25

“Porquanto Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele. Quem nele crê não é julgado; o que não crê já está julgado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus”. João 3:17,18

“Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida”. João 5:24

“Erguendo-se Jesus e não vendo a ninguém mais além da mulher, perguntou-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou? Respondeu ela: Ninguém, Senhor! Então, lhe disse Jesus: Nem eu tampouco te condeno; vai e não peques mais”. João 8:10,11

“(32) E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. (36) Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.” João 8: 32,36

“Por isso, também me esforço por ter sempre consciência pura diante de Deus e dos homens”. Atos 24:16

“Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”. Romanos 8:1

“Assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas”. 2 Coríntios 5:17

“Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente, caso alguém tenha motivo de queixa contra outrem. Assim como o Senhor vos perdoou, assim também perdoai vós” Colossenses 3:13

“Aproximamo-nos, com sincero coração, em plena certeza de fé, tendo o coração purificado de má consciência e lavado o corpo com água pura” Hebreus 10:22

“Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”. 1 João 1:9

“Pois, se o nosso coração nos acusar, certamente, Deus é maior do que o nosso coração e conhece todas as coisas”. 1 João 3:20

“Porque, se vós vos converterdes ao SENHOR, vossos irmãos e vossos filhos acharão misericórdia perante os que os levaram cativos e tornarão a esta terra; porque o SENHOR, vosso Deus, é misericordioso e compassivo e não desviará de vós o rosto, se vos converterdes a ele” 2 Crônicas 30:9

“Não ensinará jamais cada um ao seu próximo, nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece ao SENHOR, porque todos me conhecerão, desde o menor até ao maior deles, diz o SENHOR. Pois perdoarei as suas iniqüidades e dos seus pecados jamais me lembrarei” Jeremias 31:34

“As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade”. Lamentações 31:22,23

“Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo” 1 João 2:1

“E a vós outros, que estáveis mortos pelas vossas transgressões e pela incircuncisão da vossa carne, vos deu vida juntamente com ele, perdoando todos os nossos delitos” Colossenses 2:13

“Se observares, SENHOR, iniqüidades, quem, Senhor, subsistirá? Contigo, porém, está o perdão, para que te temam”. Salmo 130:3,4

“Purificá-los-ei de toda a sua iniqüidade com que pecaram contra mim ; e perdoarei todas as suas iniqüidades com que pecaram e transgrediram contra mim”. Jeremias 33:8
Um estudo de Rex Humbard (In memoriam) -
Do livro "Você pode ter vitória, apesar da confusão"
Pequenas adaptações, Pastor Gerson Luiz. G. de Lima

Comentários

Parabéns pelo blog,Deus o abençoe!

Postagens mais visitadas deste blog

Aparente derrota, Vitória de Fato

Amado com amor inabalável

Manhã com Deus