Pular para o conteúdo principal

Quem somos nós?

Quem Somo nós?: A Igreja é de "cima", a Noiva do Cordeiro
A Igreja tem sido colocada em "xeque" nesses últimos tempos. O Cristianismo é desafiado a provar sua eficiência na satisfação das necessidades da humanidade. Nestes anos ouve-se muito sobre "encontrar a si mesmo" e "descobrir sua identidade".
Movimentos gnósticos, componentes da nova ordem mundial tentamresponnder a essas questões com saturados estudos sobre "autoconhecimento" e "sessões de relaxamento e viagens imaginárias". A psicologia também tenta contribuir e inúmeros tratados são escritos para entender as reações e sentimentos humanos.
A Igreja do Senhor Jesus tem a solução para isso tudo.
Através de uma genuína experiência pessoal, exclusiva e diária com Jesus podemos encontrar a identidade que nos espera como filhos de Deus.
Paulo disse que "aquele que está em Cristo nova criatura é..., e eis que tudo se fez novo" (2º Cor. 5: 17), e que “se somos filhos (de Deus) somos herdeiros”. herdeiros de Deus... (Rom. 8: 17).
A Igreja tem a solução para quem quiser encontrar a si mesmo: Uma profunda comunhão, advinda de um encontro real com Cristo é sinal certo de satisfação interior. Jesus disse: "Vinde a mim todos os que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei...” (Mateus 11: 28-30).
Veja sobre "ser íntimo de Deus" em João 15: 1-17.

QUEM SOMOS NÓS?

Isso tudo parece tão desconcertante e confuso, especialmente quando Deus tem um plano tão claro e conciso para todos nós. Jesus disse: "Eu sou o caminho a verdade e a vida." (João 14:6).
O que o povo de Deus tem que os outros não têm? A resposta é: tudo nesta vida e na vida porvir. Deus nos encontrou; nós estávamos perdidos. Desde entãosomos: um povo salvo; salvos da fraqueza dos elementos desprezíveis deste mundo. Somos salvos da destruição que Satanás planejou para todos nós.

NÓS SOMOS UM POVO LIBERTO

Antes de Jesus nos encontrar, está· vamos presos no pecado, aprisionados pelas correntes dos hábitos por nós mesmos, "mas graças a Deus porque, outrora escravos do pecado, contudo viestes a obedecer de coração a forma de doutrina a que fostes entregues. E uma vez libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça", (Romanos 6:17-18), "Se o filho do homem vos libertar, verdadeiramente sereis livres”, (João 8:36), "Não somos mais dirigidos por satanás, somos gentilmente guiados por Deus." Paulo disse: "para a liberdade foi que Cristo nos libertou, Permanecei, pois, firmes e não vos submetais de novo ao jugo de escravidão".(Gálatas 5:1).

NÓS SOMOS UM POVO PROTEGIDO

Em 1º Pedro 1: 5 fala dos Santos "Que são guardados pelo poder de Deus," O seu poder é sem igual. Salva e protege. Todos buscam e desejam garantia e segue rança mesmo nesta vida natural.Alguns buscam segurança na educação, preparação e dedicação para uma profissão escolhida. Isto esta bem e é bom se Deus é também considerado. Mas a vida é curta, muito curta e transitória. Alguém disse que: "O homem gasta a sua saúde para ganhar sua riqueza: então gasta aquela riqueza para tentar readquiri sua saúde".
O homem na Bíblia, cuja terra produziu com abundância, disse à sua alma "devo construir maior e maior celeiro e tenho muitos bens em depósitos para muitos anos. Portanto descansa e regala-te"; mas ele deixara Deus fora dos seus planos. Ali não havia segurança. Deus o chamou de tolo e disse: "Esta noite pedirei a tua alma".
Há um lugar de segurança para o filho de Deus. Jesus disse: "Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as praticar, será comparado a um homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha" (Mateus 7: 24). O cristão que ouve e pratica as palavras de Jesus resistirá à chuva, ao dilúvio e ao vento. Ele tem segurança. Ele confiou no Senhor ele será como árvore plantada junto aos ribeiros de águas, que no devido tempo dá o seu fruto, ele não sentirá a seca. Davi disse: "Fui moço, e já agora, sou velho,porém, jamais vi o justo desamparadonem a sua descendência a mendigar o pão." (Salmo 37: 25). Judas encoraja os crentes com estas palavras: "Ora, aquele que é poderoso para vos guardar de tropeçar e para vos apresentar com exultação, imaculados, diante da sua glória.” (Judas 24). Isto é segurança!

NÓS SOMOS UM POVO REDIMIDO

Nós somos comprados pelo precioso sangue de Jesus. Fomos resgatados, trazidos de volta parao nosso próprio lugar de direito, libertados do poder de satanás. Oh, que preço foi pago pela nossa redenção! É por isso que nós o amamos e o apreciamos tanto. Demonstramos nossa gratidão pelo nosso viver diário; morrendo para o pecado, sendo batizados com ele pelo batismo, e andando com ele em novidade de vida.

SOMOS UM POVO PECULIAR

Isto não significa que somos bizarros ou desequilibrados; nós somos um povo exclusivo. Nós não falamos, fazemos, ou reagimos de uma maneira usual. Mas um povo zeloso de boas obras que é peculiar em si mesmo à tendência da sociedade moderna. Nós somos um povo Santo para o Senhor. Somos "Uma geração escolhida, sacerdócio real, uma nação Santa, um povo peculiar. A fim de sermos para louvor da glória Daquele que nos chamou das trevas para sua maravilhosa luz". (1º Pedro 2: 9) .

NÓS SOMOS O CORPO DE CRISTO NA TERRA

Ele é o cabeça. Ele é a videira e nós somos os ramos. Ele não tem mãos, a não ser as nossas mãos. Nós somos a Igreja, a noiva de Cristo. Nós fomos chamados, escolhidos, e se formos fiéis, um dia destes ele estará voltando para nós!
Ele nos tem dado um senso de direção c uma meta neste mundo disparatado, ele nos tem dado uma razão pra viver e uma esperança após a morte. "Ao vencedor, dar-lhe-ei sentar-se comigo no meu trono." (Apocalipse 3: 21)

QUEM SOMOS NÓS? Nós somos o povo de Deus.

Estudo adaptado por Gerson Luiz Garcia de Lima
Publicado em Maio de 1995 no jornal Linha Sacerdotal

Comentários

Gisele disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Obrigado irmão pastor Gerson por seguir o caminho que liberta, eu também já estou seguido meu irmão.
Que Jesus o continue a usar como uma benção poderosa.

Antonio

Postagens mais visitadas deste blog

Aparente derrota, Vitória de Fato

Graças, porém, a Deus que em Cristo sempre nos conduz em triunfo. (2 Co 2.14.) 

De aparentes derrotas Deus tira as Suas maiores vitórias. 
Muitas vezes o inimigo parece triunfar temporariamente, e Deus assim permite. Depois então Ele confunde toda a obra do inimigo, desfaz sua aparente vitória e, como diz a Escritura, "transtorna o caminho dos ímpios". 
Assim Ele nos leva a experimentar uma vitória muito maior do que se não tivesse permitido ao inimigo um aparente triunfo no início. 
A história dos três moços hebreus lançados na fornalha ardente é bastante conhecida, e nos traz um exemplo de vitória aparente do inimigo. Parecia que os servos do Deus vivo iam sofrer uma terrível derrota. Por certo todos nós já estivemos em situações onde parecíamos derrotados — e o inimigo se regozijava. Podemos imaginar a derrota completa que os três jovens pareciam estar sofrendo: lançados na fornalha, com os inimigos observando para vê-los arder naquelas chamas. Porém, em que grande pasmo fica…

Manhã com Deus

Prepara-te para amanhã, para que subas..., e ali te apresenta a mim no cume do monte. Ninguém suba contigo. (Êx 34.2, 3.) 

 O momento matinal com Deus é essencial. Não podemos encarar o dia sem ter olhado para Deus, nem ter contato com outros, sem primeiro ter estado em contato com Deus. Não podemos esperar vitória, se começamos o dia na nossa própria força. Enfrentemos o trabalho de cada dia sentindo a influência de alguns momentos tranqüilos com o coração diante de Deus. Não entremos em contato com ninguém, mesmo os de casa, sem ter primeiro conversado com o grande hóspede e companheiro de nossa vida — Jesus Cristo. Conversemos a sós com Ele regularmente. Conversemos a sós com Ele diante da Bíblia, e enfrentemos os deveres habituais e não habituais de cada dia, tendo a influência dEle a controlar cada um de nossos atos. Tens hoje muito que fazer, talvez; Fala com Deus, primeiro. As coisas mudam tanto de figura Quando encaradas lá, A sós com Deus. Familiariza-O com esses teus ass…

Falar é Prata, Escutar é Ouro

“Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar. Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus” Tiago 1:19-20).
Recebi esse texto abaixo para meditação da Rádio BBN e resolvi compartilhar com vocês que acompanham-me pelo BLOG do Pastor Gerson Luiz. A mensagem é muito boa e vai acrescentar muito para quem tirar alguns minutos para ler meditar.
Aproveito para recomendar a programação da Rádio BBN que pode ser sintonizada pela WEB. Copie o link a segui e aproveite: http://www.bbnradio.org/jwplayer/players/browsers/portuguese.htm O ditado popular: “Falar é prata, escutar é ouro” reflete essa verdade preciosa. No texto acima entendemos que muitos de nós ainda precisa escutar mais e falar menos. Infelizmente, muitas vezes fazemos o contrário do que Deus nos exorta em Sua palavra. Quantas vezes somos tardios para ouvir, prontos para falar e mais prontos ainda para nos irar? E assim perdemos a oportunidade de experimentar a justiça…