Pular para o conteúdo principal

Confuso mas não descrente

Por quê Senhor?
Deus não se incomoda com perguntas. É de se duvidar que que odeie.

Durante muitas horas pesadas os três amigos de Jó - Elifaz, Bildade e Zofar, acusaram-no de todo o tipo de males. Falaram o tipo de palavras tolas que gente saudável e sem problemas, mas mal informada, muitas vezes diz a pessoas que estão sofrendo.

Oh! Como Jó queria levar o seu caso ao próprio Deus! "Por que não morri eu na madre?", ele pergunta ao
Senhor. Sentindo que seus apertos eram causados pela pressão que vinha de Deus ele reclama: "Até quando não apartarás de mim a tua vista? Até quando não me darás tempo de engolir minha saliva" (Jó 3:11 e 7:19)

As palavras de Jó refletem o tipo de tormento que podemos esperar de um homem temente a Deus que se encontra em profundo sofrimento. Mas nada lhe é dito. Somente no final do livro é que Deus pelo menos, quebra o silêncio e ainda assim, não responde nenhuma das questões de Jó, porém não o castiga pelo fato de ter sido questionado. Deus apenas repreende Jó por uma coisa:por duvidar do caráter justo de Deus (Jó 40:8)

Pessoas tementes a Deus e e que têm uma vida de comunhão com Ele nunca devem ter medo de fazer perguntas difíceis a Deus, mas nunca deve exigir que ele as responda.

Não importa quão sombrias as nossas circunstâncias se tronem, devemos resistir a tentação de duvidar da natureza santa de Deus. Quando nós, como Jó, com lábios trêmulos confessamos a grandiosa majestade de Deus, estaremos pelo menos prontos para as grandiosas bênçãos de Deus.

Medite nisso: Reserve tempo de qualidade diariamente para ouvir a Deus no silêncio. Chegará o momento em que você poderá confessar de coração:
"Então respondeu Jó ao SENHOR, dizendo:
Bem sei eu que tudo podes, e que nenhum dos teus propósitos pode ser impedido.
Quem é este, que sem conhecimento encobre o conselho? Por isso relatei o que não entendia; coisas que para mim eram inescrutáveis, e que eu não entendia.
Escuta-me, pois, e eu falarei; eu te perguntarei, e tu me ensinarás.
Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te vêem os meus olhos."Jó 42:1-5

Por John C. Maxwell - pela Sociedade Bíblica do Brasil
adaptações de Gerson Luiz Garcia de Lima

Comentários

Regina Helena disse…
É verdade! Há momentos em que estamos cansados demais!
Mas louvado seja Deus que nos sustenta, nos toma pela Sua mão!
Parabéns pelo blog. Muito bom!
Tenho aprendido que: “Quando a dúvida bater na sua porta, abra a porta com as promessas de Deus” (Pr Jonathan D. de Souza)

Deus frutifique o seu precioso ministério, pra honra e glória do nosso Pai,
Abraços,
Regina Helena
http://destilardosfavos.blogspot.com.br/2011/09/duvidas-quem-nao-as-tem.html

Postagens mais visitadas deste blog

Aparente derrota, Vitória de Fato

Graças, porém, a Deus que em Cristo sempre nos conduz em triunfo. (2 Co 2.14.) 

De aparentes derrotas Deus tira as Suas maiores vitórias. 
Muitas vezes o inimigo parece triunfar temporariamente, e Deus assim permite. Depois então Ele confunde toda a obra do inimigo, desfaz sua aparente vitória e, como diz a Escritura, "transtorna o caminho dos ímpios". 
Assim Ele nos leva a experimentar uma vitória muito maior do que se não tivesse permitido ao inimigo um aparente triunfo no início. 
A história dos três moços hebreus lançados na fornalha ardente é bastante conhecida, e nos traz um exemplo de vitória aparente do inimigo. Parecia que os servos do Deus vivo iam sofrer uma terrível derrota. Por certo todos nós já estivemos em situações onde parecíamos derrotados — e o inimigo se regozijava. Podemos imaginar a derrota completa que os três jovens pareciam estar sofrendo: lançados na fornalha, com os inimigos observando para vê-los arder naquelas chamas. Porém, em que grande pasmo fica…

Manhã com Deus

Prepara-te para amanhã, para que subas..., e ali te apresenta a mim no cume do monte. Ninguém suba contigo. (Êx 34.2, 3.) 

 O momento matinal com Deus é essencial. Não podemos encarar o dia sem ter olhado para Deus, nem ter contato com outros, sem primeiro ter estado em contato com Deus. Não podemos esperar vitória, se começamos o dia na nossa própria força. Enfrentemos o trabalho de cada dia sentindo a influência de alguns momentos tranqüilos com o coração diante de Deus. Não entremos em contato com ninguém, mesmo os de casa, sem ter primeiro conversado com o grande hóspede e companheiro de nossa vida — Jesus Cristo. Conversemos a sós com Ele regularmente. Conversemos a sós com Ele diante da Bíblia, e enfrentemos os deveres habituais e não habituais de cada dia, tendo a influência dEle a controlar cada um de nossos atos. Tens hoje muito que fazer, talvez; Fala com Deus, primeiro. As coisas mudam tanto de figura Quando encaradas lá, A sós com Deus. Familiariza-O com esses teus ass…

Falar é Prata, Escutar é Ouro

“Portanto, meus amados irmãos, todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar. Porque a ira do homem não opera a justiça de Deus” Tiago 1:19-20).
Recebi esse texto abaixo para meditação da Rádio BBN e resolvi compartilhar com vocês que acompanham-me pelo BLOG do Pastor Gerson Luiz. A mensagem é muito boa e vai acrescentar muito para quem tirar alguns minutos para ler meditar.
Aproveito para recomendar a programação da Rádio BBN que pode ser sintonizada pela WEB. Copie o link a segui e aproveite: http://www.bbnradio.org/jwplayer/players/browsers/portuguese.htm O ditado popular: “Falar é prata, escutar é ouro” reflete essa verdade preciosa. No texto acima entendemos que muitos de nós ainda precisa escutar mais e falar menos. Infelizmente, muitas vezes fazemos o contrário do que Deus nos exorta em Sua palavra. Quantas vezes somos tardios para ouvir, prontos para falar e mais prontos ainda para nos irar? E assim perdemos a oportunidade de experimentar a justiça…